Artilheiro da Base

O torcedor que acompanha as categorias de base do Coritiba tem levantado um justo questionamento: Por quê Pablo Thomaz não está no time principal?

O coxa branca que apenas segue o time principal deve se lembrar da passagem do atleta pelo time de cima em 2018. Pablo jogou 5 vezes na série B de 2018 com média de 73 minutos em campo. Deu uma assistência, não fez gols e perdeu 3 grandes chances de assinalar. Teve média de 1,2 finalizações por jogo. Sua última partida foi contra o Guarani no dia 11/6/18 e desde então tem integrado os times de aspirantes e sub20. E lá tem se destacado!

Em 2019 Thomaz jogou 21 vezes, sendo 13 jogos pelo brasileiro sub-20, 3 jogos pela Copa do Brasil sub-20 e 5 jogos pelos aspirantes. Fez gols em todas as competições. Totalizou 13 gols nestas 21 partidas, incluindo um hat trick no jogo contra o CAP, na ocasião, pelos aspirantes. A média de minutos em campo também é alta, 83 minutos por jogo.

Pablo Thomaz tem 1,77m, pesa 62 kg, é natural de Ribeirão Preto e nasceu em Julho de 1999. O atleta fez 10 gols em 19 jogos pela base do Coritiba em 2018 e sua posição é centro avante. A mesma posição do melhor jogador do Coritiba na série B (e artilheiro da competição) Rodrigão e de outra promessa da base, Igor Jesus, que quando entra em campo  tem mostrado muita qualidade no posicionamento e nas finalizações.

No time principal o jogador seria a terceira opção do treinador para sua posição de origem, podendo inclusive ser a quarta caso Wanderley esteja agradando a comissão técnica nos treinos. Entre apenas treinar com o time principal e ter sequência fazendo gols e evoluindo na base, o departamento de futebol entende que a segunda opção é a melhor escolha para o atleta e para a instituição.

 

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.