Opinião

Análise das Gurias: Pré-jogo – É hora de surpreender!

Por Mavi Zornig – @mavizornig

Depois de uma vitória no sufoco contra o Vasco, passamos essa semana com um alívio na tabela, estacionados na 16ª colocação, a primeira fora da zona de rebaixamento. A semana foi exclusiva para treinamentos, e Jorginho teve tempo de sobra para projetar a equipe que vai a campo amanhã, contra o Fluminense, fora de casa. Pontuar é de suma importância para se manter fora da ZR. Vencemos o Vasco mais na sorte do que no juízo e é urgente melhorar, principalmente na parte ofensiva, para não passar sufoco nesse Campeonato Brasileiro.

Nos bastidores do clube, era uma semana em que a torcida esperava a chegada de contratações, mas que o que de fato ocorreu foram as inesperadas saídas de Giovanni e Igor Jesus. Dois atletas que não agregavam muito esportivamente, porém, Igor Jesus era o único centroavante com o qual poderiamos contar, já que Wanderley nunca sai do DM e não sabemos se possui condições técnicas de atuar na Série A. Agora fica a dúvida: quem Paulo Pelaipe vai trazer para o ataque? É urgente a chegada de atletas para essa posição.

Enquanto isso, o técnico Jorginho terá que se esforçar para tirar o melhor dos atletas que estão à disposição. A defesa é o “ponto forte” do time de Jorginho. Coloco entre aspas porque esse bom rendimento defensivo é muito por conta das excelentes atuações do goleiro Wilson. No ataque, é hora de surpreender. A produção ofensiva vem sendo péssima, tanto pra criar quanto na hora de aproveitar as poucas chances que surgem. A esperança fica no argentino Sarrafiore, que precisa de fato estrear com a camisa alviverde, porque no último jogo ele não empolgou. E Robson mais uma vez fará o papel de centroavante, ficando nos pés dele a missão de aproveitar as chances e colocar a bola para dentro do gol.

O adversário vive tempos sombrios, vem de derrota e eliminação na Copa do Brasil e o time e o técnico estão sob pressão. Alguns casos de Covid-19 no elenco também causam desfalques ao time tricolor. O Coritiba precisa saber aproveitar o clima ruim e os desfalques para conseguir pontuar fora de casa. Para isso, é hora de surpreender ofensivamente, algo que ainda não fizemos em nenhum jogo nesta Série A.

1 ou 3 pontos, o importante agora é não voltar de mãos vazias e ao mínimo esboçar melhora na produção ofensiva, para que possamos retomar o otimismo no Alto da Glória. Pra cima deles, Coxa! SAV

%d blogueiros gostam disto: