Coritiba
Coritiba/Divulgação

Análises

Gol de William Alves, mudança no esquema tático e superioridade Coxa-Branca; veja pontos do empate do Coritiba no Couto Pereira

O Coritiba entrou em campo na noite desta terça-feira (29), contra o Confiança, no Couto Pereira e os mais de 1100 torcedores que estiveram no estádio, viram o Coxa ficar apenas no empate por 1 a 1, contra o penúltimo colocado da competição. A partida, para quem observa apenas o resultado, não foi nada proveitosa para o Coxa, porém, os números e a intensidade do jogo demonstram a superioridade do. Veja abaixo alguns pontos do empate do Coxa frente ao Confiança.

+ Veja como foi a partida do Coxa contra o Confiança!

Escalação fora do habitual

Gustavo Morínigo escalou a equipe da seguinte maneira: Wilson; Natanael, Henrique, Castán, Biro; Willian Farias, Matheus Sales e Robinho; Rafinha, Igor Paixão e Léo Gamalho. Ainda entraram em campo: Gui Azevedo, Wellington Carvalho, William Alves, Val e Valdeci.

O time do Coritiba contava com o retorno de Willian Farias ao time após cumprir suspensão por 3º cartão amarelo contra o Guarani, no sábado (24), e com isso, naturalmente a dupla de volantes que se esperava em campo seria o mesmo Willian Farias e Val, porém, o técnico Gustavo Morínigo optou por Matheus Sales ao lado de Willian Farias e deixou Val no banco de reservas.

+ Siga a Rede Coxa no Twitter!

Matheus Sales como 2º volante e Willian Farias como 1º volante de habitual retenção, formação no meio dos dois zagueiros e saída de bola. Mas ao ver a forma de jogo proposta pelo Coxa, o esquema tático do Coritiba acabou não funcionando da melhor forma. O Coritiba abusou das bolas longas (56 tentativas) e infiltrações de um setor do campo para o outro, faltou nas transições meio-ataque e inúmeros cruzamentos para a grande área (37 no total).

Com a entrada de Val no segundo tempo, o Coxa chegava com um jogador a mais próximo a área do Confiança e arremates ao gol de média-longa distância foram alternativas que se encaixavam nas características do volante Alviverde. Val jogou 45 minutos, deu 44 passes certos, finalizou duas vezes e acertou cinco bolas longas para infiltração dos pontas. Em questão de dinâmica de jogo, o Coritiba cresceu muito com a entrada do jogador.

Gol de William Alves

William Alves foi anunciado no Coritiba no dia 14 de maio, o atacante disputou oito partidas desde sua chegada e marcou seu primeiro gol pelo Coxa na noite dessa terça-feira. Na noite de ontem, o Coritiba estava sendo derrotado e Morínigo ao analisar a forma em que o jogo estava ocorrendo, optou por colocar dois jogadores altos em campo para aproveitar a chuva de bola área que estava ocorrendo.

Com isso, aos 78 minutos William Alves entrou em campo e aos 89 o zagueiro Wellington Carvalho também entrou – detalhe para Wellington Carvalho que entrou para jogar no setor ofensivo ao lado de William Alves e Léo Gamalho.

+ Tudo sobre o Coritiba, aqui na Rede Coxa!

Na jogada em que o gol de William Alves foi marcado, Wellington Carvalho e Léo Gamalho estavam participando. O lance foi uma disputa de bola do zagueiro na grande área, William tocou para Léo Gamalho, se posicionou dentro da pequena área e só escorou de cabeça ao receber o cruzamento de Léo Gamalho. Foi o primeiro gol do jogador pelo Coxa e com grande participação da boa análise de jogo do técnico Gustavo Morínigo.

Número do jogo: Coritiba x Confiança

A superioridade do Coritiba não ficou apenas nos números, o time do Confiança chegou no gol do Coritiba em apenas dois lances da partida: no gol aos 21’ do primeiro tempo e com um chute para fora de Rafael Vila aos 14’ do segundo tempo. Os números da partida:

Coritiba 1 x 1 Confiança

Posse de bola – 69% x 31%;

Finalizações (certas) – 21 (5) x 5 (1);

Escanteios – 7 x 1; *detalhe para o gol do Confiança que saiu do único lance de escanteio do time visitante.

Faltas – 17 x 14;

Passes (certos) – 577 (498) x 260 (179);

Bolas longas (certas) – 56 (42) x 61 (23);

Cruzamentos (certos) – 37 (14) x 11 (5);

Perda da posse de bola – 141 x 123

Todos os dados da partida foram retirados do site SofaScore.

A superioridade do Coritiba nos números e no ritmo de jogo acabou não conseguindo se transformar em vitória, mas a marcação alta, ritmo de jogo avançado e defesa sólida, são bons pontos da partida contra o Confiança. O Coritiba volta ao campo na próxima segunda-feira (04), fora de casa, às 20h00, contra o Remo, em partida válida pela 28ª rodada da Série B.    

Tags

Comentários

  • Fernando

    Morinigo errou forte ao tirar o Rafinha, que estava bem, o que mais estava criando no primeiro tempo. Pior ainda para colocar o G Azevedo. Eu que tenho muitos contras o Waguininho preferiria ele, que às vezes da bons passes rápidos. Esse G Azevedo só cisca e toca pra trás, mas como não é da nossa base, tem muitas chances. Se fosse nosso jamais entraria.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.